Um primeiro passo para se libertar do vício é conhecer os sintomas de deixar de fumar, pois desta forma estará preparado e conseguirá superar melhor as dificuldades.

Apesar de os sintomas não serem idênticos para todas as pessoas, existem bastantes sintomas de deixar de fumar que se aplicam a todas as situações.

1. Ansiedade e nervosismo como os principais sintomas de deixar de fumar

A ansiedade e o nervosismo são, sem dúvida, os principais sintomas de deixar de fumar e que afetam qual pessoa que esteja a tentar deixar de fumar, principalmente para os que escolhem fazê-lo repentinamente.

O consumo de nicotina através dos cigarros, faz com que o nosso corpo deixe de produzir uma substância que é semelhante à nicotina, e, ao deixar de fumar, o cérebro demora alguns meses a recomeçar a produzir a substância. Nesse período, em que não ingerimos nicotina, nem temos a substância, estamos mais ansiosos e nervosos. Ficamos mais reativos e temos tendência a perder a paciência rapidamente, fazendo com que possam existir atritos nas relações com os outros.

Situações que normalmente não teriam qualquer efeito em si, como entornar café, podem, quando está a deixar de fumar, tornar-se motivo para uma acesa discussão. De uma forma geral, temos a tendência para estar num constante estado de irritabilidade que normalmente é responsável por discussões sem real fundamento.

2. Aumento do apetite

O aumento do apetite é outros dos sintomas de deixar de fumar que assusta muitas pessoas. O ato de fumar reduz naturalmente o nosso apetite, portanto quando deixamos de fumar, o nosso apetite regressa e normalmente aumentado.

Comer é uma forma de nos manter ocupados, mas também de manter a nossa boca ocupada! Um dos sintomas de deixar de fumar é a necessidade de manter os lábios ocupados, portanto será uma boa ideia optar por brincar com uma caneta na boca, comer um chupa ou mascar pastilha.

Comer é visto muitas vezes como um efeito secundário de deixar de fumar, no entanto, não necessita de ingerir comida, basta manter a boca ocupada, portanto pode optar por algo mais saudável, como rebuçados sem açúcar.

3. Os 5 segundos da hesitação

Por mais força de vontade que tenha, vão existir uns 5 segundos em que o seu corpo lhe vai dizer que não faz mal nenhum fumar apenas um cigarro. Esses 5 segundos de despreocupação é outro dos sintomas, pois é uma forma do seu cérebro levá-lo a fumar um cigarro. No entanto, essa vontade dura cerca de 5 segundos, portanto quando isso acontecer espere sempre um momento e verá que 5 segundos mais tarde já conseguirá manter a motivação.


0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.